A vida na terra, seja ao nível de uma pequena poça ou ao nível de um ecossistema que abrange um continente, se resume em interações.

Além de interagirem com o meio físico, os organismos interagem com indivíduos da sua espécie e com outras espécies, estabelecendo o que chamamos de Relações Ecológicas.

Todos os organismos em um ecossistema estão conectados de uma maneira ou de outra. Cada indivíduo de uma população interage uns com os outros em uma complexa rede de relações. Os relacionamentos ecológicos ajudam a descrever melhor a dinâmica da vida na terra e ainda nos fornece informações importantes para que possamos proteger espécies ameaçadas.

As Relações Ecológicas podem ser Harmônicas (quando não há prejuízo para nenhum indivíduo) ou Desarmônicas (quando um indivíduo é prejudicado por outro). Ambas ocorrem tanto ao nível intra-específico (entre indivíduos da mesma espécie) quanto ao nível inter-específico (entre espécies diferentes).

Confira o vídeo que gravei sobre Relações Ecológicas e não se esqueça de se inscrever no canal do EQB:

E aí, o que achou desse vídeo? Comente e sugira novos temas!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorWolbachia: bactéria que manipula cromossomos de artrópodes
Próximo artigoAquecimento global e doenças transmitidas por mosquitos
Guellity Marcel

Biólogo de vida selvagem, mestre em Ecologia e Conservação e apaixonado por ciência e tecnologia. Tem interesse em ecologia de populações, ecologia do movimento, ecologia de paisagem e efeitos de mudanças climáticas na biodiversidade, especialmente em áreas úmidas. Atualmente trabalha com mamíferos de médio e grande porte (cervo, veado-campeiro, veado-mateiro, queixada) e jacarés em parceria com pesquisadores da Embrapa Pantanal.